Top 10 Gangues de Motocicletas Mais Perigosas

O que diferencia um clube de motos ou empresa de um grupo de foras da lei fatais? Segundo o Departamento de Justiça dos Estados Unidos, as Gangues de Motociclistas Fora da Lei ou, na sigla em Inglês, OMG (para Outlaw Motorcycle Gangs) “…são organizações cujos membros utilizam seus clubes de motocicletas como ‘conduítes’, canais para empreendimentos criminosos. As OMGs são organizações criminosas altamente estruturadas cujos membros são engajados em atividades criminais tais como crimes violentos, tráfico de armas e de drogas.”

Após pesquisar extensivamente a mais notável e perigosa destas OMGs, a gente se pega gritando “Oh my God !!” um pouco mais do que o usual. Assim como franquias de sucesso como Os Sopranos – que pareciam romantizar e humanizar um pouco líderes e membros de máfia – o mesmo ocorreu nas Outlaw Motorcycle Gangs. A série “hit” da FX, Sons of Anarchy, revolucionou linhas históricas em torno de membros e famílias de uma gangue de motociclistas. Apesar de os componentes básicos de SOA não serem nada estranhos como: assassinatos, drogas e outros crimes que tornam membros de gangues motociclistas “foras da lei”, os anti-heróis da série, juntamente com as esposas, namoradas e outros membros da família que eram regulares em cada episódio fizeram da ideia de gangues algo um tanto convincente e simpático. Ao invés de recuarem com medo ao assistirem esses gângsteres pularem sobre seus “porcos” em SOA, as audiências da série sentiram simpatia e conexão com todos os personagens, que são tão devidamente interpretados pelos atores sensacionais que compõem o elenco.

Isso é tudo muito bom dentro dos limites do entretenimento, mas precisamos lembrar dessa palavrinha-chave: entretenimento. A realidade das Gangues de Motociclistas Fora da lei é uma escuridão que não abre espaço para a simpatia, exceto para um banco de dados repleto de vítimas que foram mortas por líderes e membros de gangues – e aos jovens ingênuos que são investigados e recrutados nestas gangues, apenas para acabarem ficando entrincheirados em uma vida de violência, crime (quando não são mortos primeiro ano) ou em sentenças de prisão perpétua.

A história dos bandos de motociclistas remonta lá na década de 1930; e vários capítulos, dos mais notórios e perigosos ainda são itens regulares nas manchetes – ao passo que membros e líderes continuam a perpetuar heranças das gangues criminais, como violência e drogas. Abaixo estão as dez gangues de motocicletas mais perigosas que já existiram. A maioria destas são listadas como OMGs pelo departamento de justiça dos EUA (salvo os Warlocks). No entanto, sua ausência no Departamento de Justiça dos EUA não exclui o perigo que essa gangue representa para a sociedade. A frequente aparição de membros de gangues em manchetes de homicídio e drogas é uma evidência de quanto esse grupo continua a lograr êxito e a disseminar uma linhagem envolvida em atividades criminosas.

Com efeito, vamos desenvolver algo sobre este fato agora – de que forma Os Warlocks ficam com o 10º lócus da nossa lista.

10) The Warlocks

The Warlocks - Gangues de Motociclistas

O clube de motocicletas dos Warlocks foi fundado em 1967 e segue como uma das mais temidas e proeminentes gangues de motocicletas da América. Exclusiva para homens brancos, a gangue tem uma reputação de extrema violência e brutalidade. Também são conhecidos pela perpetuação da cultura das drogas na América, com vários membros tendo sido flagrados transportando coisas como metanfetamina comum e cristalina.

O grupo continua a fazer manchetes, hoje. No que foi uma surpresa para muitos, o ex-membro Warlock, Paul Smith, recebeu recentemente um veredito de “não culpado” para um tiroteio de 2012, porém continuou tendo sessões em tribunal marcadas porvir por acusações de porte/uso de drogas. Isso sem contar que vários outros membros também fazem  parte de manchetes por estares envolvidos em incidentes relacionados ao tráfico de drogas, homicídios culposos e assassinatos ou tentativas de assassinato.

9) The Highwaymen

Highwaymen - Gangues de Motociclistas

Os Highwaymen são um grupo baseado em Detroit, Michigan, com aproximadamente 200 membros e estabelecido em 1954. Sua insígnia figura um esqueleto vestindo uma jaqueta de couro, boné de motociclista e com asas – o que não é de todo aterrorizante e sim, essa última declaração está respingando de sarcasmo.

O grupo, com pessoas mais velhas, experimentou sua maior notoriedade em 2007, quando uma “…incursão resultou na prisão de quarenta caras da Highway sob acusações tão diversas como fraude hipotecária, tráfico de cocaína e assassinato de aluguel.”

Os Highwaymen, no entanto, não permaneceram tão proeminentes nas manchetes como outras gangues de motocicletas ainda ativas hoje. Talvez seja porque, com tantos anos tendo notoriedade, prisões e liderança envelhecendo a gangue tenha sido levada a superar a sua proverbial data de validade.

8) The Bandidos

Bandidos-Gangues de Motociclistas

Os Bandidos estão concentrados principalmente no Texas, mas têm uma influência generalizada para com mais de 2.000 membros e uma presença que tem sido sentida em 16 estados e 14 países. Fundado em 1966 , o cartazinho da gangue mostra um desenho de alguém vestindo um sombrero (eles contrabandeiam drogas através da fronteira EUA–México como se fosse a ocupação da gangue… bem, aparentemente é, mesmo…) e segurando tanto uma pistola como um facão, porque claramente uma arma nunca é o suficiente.

Estarrecedor…

Ainda em março de 2015, a polícia prendeu dois membros desta gangue vitriólica por um ataque a bordel. De acordo com a ABC Austrália, “[Os membros] Blair John Kelly e Daniel William Rugg entraram em um bordel na rua Hunter, na manhã de domingo e, alegadamente, agrediram ao proprietário (do sexo masculino de 61 anos) e o ameaçaram com uma faca. O nariz do dono estava quebrado, e ele foi levado a um hospital.

Em janeiro de 2015, oito membros (oito!) foram acusados de traficarem drogas nos limites do metrô de Denver. Segundo Fox 31 Denver, “Os oficiais chegaram a capturar um quilo de metanfetamina que, nas ruas, vale US$ 40.000,00 – segundo um parecer do escritório do Procurador Geral.”

O relatório nomeava Philip Duran como um dos líderes dos Bandidos e atuante especializado na aliança do tráfico de drogas. Ele permanecia em liberdade no momento do relatório da Fox 31, mas um relatório subsequente da ABC 7 forneceu uma atualização em 28 de janeiro subsequente de que Duran havia sido de fato preso.

Se Breaking Bad não lhe ensinou a lição sobre os perigos e prejuízos da metanfetamina cristalina, esperançosamente, este texto adiciona um conto preventivo. Linha de rodapé: não usem drogas, crianças! Ah, e não as vendam, também.

7) O Clube de Motocicletas The Pagan ou The Pagans

Pagans - Gangues de Motociclistas

The Pagan’s Motorcycle Club iniciou como um clube não-violento quando foi fundado, por Lou Dobbin, em 1959. Apenas quando John Marron, vulgo “Satã,” assumiu, na década de 1970, que o grupo de Motociclistas caiu nas mesmas fileiras que outros violentos com uma tendência para o tráfico de drogas e outras formas de crime organizado.

Segundo a Complex(.com), “O FBI vê Pagan como uma organização incrivelmente perigosa, em grande parte devido às suas ligações com gangues como a Irmandade Ariana e com a Máfia italiana. Os membros do Pagan estão regularmente ligados a incêndios criminosos, bombas e assassinatos, e um dos hobbies favoritos da gangue é a estocagem de metralhadoras.”

Em se tratando das manchetes recentes, um relatório de janeiro de 2015 da TribLive salientou que um dos ex-líderes do grupo, Dennis Katona vulgo “Galo”, tem buscado ter uma condenação revogada em que “a polícia investigou sua casa e, lá, encontrou cocaína e metanfetamina; tudo avaliado em cerca de US$ 20.000,00…” Katona alega que a busca em sua casa foi “ilegal”. Ele cumpre pena de 80 meses de prisão pelas acusações.

6) The Black Pistons

Black Pistons - Gangues de Motociclistas

Os Black Pistons são na verdade uma “gangue de suporte”, o que significa que eles trabalham para apoiar gangues mais notórias, como a Outlaws (que será apresentado adiante). De acordo com Complex, os “Black Pistons traficam drogas e aniquilam inimigos a favor dos Outlaws”.

Os Black Pistons têm um alcance amplo,tendo membros ativos em todo os Estados Unidos. A impiedade e violência dos membros dos Black Pistons ficou evidente com um ataque por parte deles a Kristopher Stone, em novembro de 2014. O ataque foi captado por imagens de câmeras de vigilância de um restaurante de Jacksonville, na Flórida, e resultou no “homicídio justificável” de um Membro por Stone – que foi atacado sem qualquer provocação e recebeu vários disparos de balas, após temer por sua própria vida.

A história completa sobre a decisão jurídica acerca do incidente (e subsequente “homicídio justificável”) pode ser encontrada neste link, em Inglês. De acordo com o relatório, Stone era um filiado ou cliente de um outro clube de motocicletas, conhecido como a Ordem de Ferro. Ao defender-se, Stone atirou e matou o membro dos Black Pistons Zachary  Tipton (vulgo Nas T),  que foi abandonado por outros membros dos Pistons.

“[Stone] estava temendo por sua vida. Ele até disse às autoridades que pensou que tinha esvaziado ou atirado usando todo o seu tambor porque ele estava atemorizado por sua vida,” disse a procuradora estadual Angela Corey. “Acho que o verdadeiro caráter dos [membros dos Black Pistons] veio à superfície, neste incidente, quando deixaram seu amigo lá para morrer”.

 5) The Vagos Motorcycle Club

Vagos - Gangues de Motociclistas

De todas as gangues de motociclistas nesta lista até agora, a Vagos Motorcyle Club tem o website mais extenso. Não estou inteiramente convencido de por que alguém iria querer um site público na rede estando envolvido com o mundo do crime organizado – mas cada um com seu cada um, e certamente não vai ser eu que vou expor qualquer um quando sei que têm uma litania de crime violento e condenações de assassinato dentro de seu Desktop card Rolodex.

De qualquer forma, ao entrar no site deste clube, você verá uma imagem animada de um desenho exposto numa representação diabólica do Deus nórdico Loki, que também pode ser visto andando de moto nos solos verdes e vermelhos da quadrilha. Há uma amostra de slides com imagens de membros e líderes de décadas passadas (que parecem inócuos o suficiente) e, em seguida, uma história do grupo. De acordo com o site oficial, “No início dos anos sessenta, treze amigos começaram um clube de moto no Sul da Califórnia. Durante anos, muitos passaram versões da histórias às redondezas, mas esta é a história real de como o Vagos Motorcycle Club foi originado de um dos últimos dos 13 primeiros membros e fundadores. Esta é a história dele sobre o nascimento do nosso clube. É importante passar esta história do nosso clube para todos os nossos irmãos, para manter sua história viva.”

A história passa a narrar que as ramificações mexicanas da quadrilha foram iniciadas “por acidente”, mas não parece haver tristeza alguma expressa sobre a existência e notoriedade contínua da gangue. Além disso, não há qualquer menção de rivalidades ou o fato de que os membros dessas gangues são acusados de cometer crimes e ir para a cadeia com frequência, embora, convenhamos: não é a coisa mais apetitosa a se escrever sobre sua organização na world wide web.

De acordo com Complex, a gangue tem uma longa história de “operações de contrabando de drogas com seus ramos mexicanos”, tendo sido acusada de “burlar carros de polícia” com armadilhas, bem como tendo um histórico notável e violento para com a gangue rival, Hell’s Angel.

4) Sons of Silence

Sons of Silence - Gangues de Motociclistas

O Sons of Silence Motorcycle Club foi fundado em 1966 e tem base principal em Colorado. Com apenas 300 membros, são uma rede menor de motociclistas, mas não deixe a escassez numérica lhe enganar –são uma das gangues de moto mais mortíferas e tenazes existentes.

Devido a uma litania de guerras territoriais, os Filhos do Silêncio construíram um arsenal pesado de armas mortais como metralhadoras, granadas e bombas tubuladas. Este arsenal foi descoberto em 1999, quando o grupo foi invadido, resultando na prisão de 37 membros por tráfico de drogas e acusações de porte de armas ilegais.

Mais recentemente, três agrupamentos ocultos da quadrilha vieram à tona. De acordo com um relatório do Denver Post, “Mais de 250 agentes policiais” desmantelaram “três ‘ramos’ locais da gangue de motociclistas Sons of Silence [em outubro de 2014], prendendo 39 membros e apreendendo dezenas de armas… Começando logo após a quinta-feira à noite, equipes da SWAT, formadas por agentes federais e locais, se espalharam por entre 25 localidades de Colorado Springs, Commerce City e Fort Collins… Dois agentes federais se infiltraram no bando de motociclistas e ficaram dois anos documentando transações ilegais de drogas e armas que culminaram com as invasões federais. Agentes apreenderam 48 armas, incluindo 24 metralhadoras totalmente automáticas, quatro granadas de mão, quatro bombas tubuladas e granadas artesanais; US$ 25.000,00 em espécie, 4kg e meio de metanfetamina, um silenciador, oito motocicletas Harley-Davidson e as duas boates de shows pertencentes à gangue – em 941 S. Conejos St. em Colorado Springs e também em 8241 Brighton Road, Commerce City.”

Em um quadrinho de mensagens, alguém, alegando estar anteriormente envolvido com a Sons of Silence, falou dos perigos de se associar com a gangue, escrevendo: “Sou costumado a andar de moto e ia a ralis onde esses caras da Sons of Silence também estavam, e o que aprendi: Não sacaneiem esses caras. Os caras te jogam num rio qualquer, sem sequer pensar duas vezes. Não tenho visto nenhum deles no sudeste Missouri já há algum tempo, mas, estes caras não brincam em serviço.”

3) The Mongols

Mongols - Gangues de Motociclistas

Assim como os Vagos, os Mongols têm uma longa rivalidade com a Hell’s Angel, gangue está que já já detalharemos mais sobre. À modo de visão geral, Complex observa que a rivalidade fora originalmente resultado de uma maioria dos membros ser hispânica ou nativo-americana, e que, “O clube foi fundado após um número de motociclistas latinos ter tido sua entrada na Hell’s Angels recusada, devido à sua raça.”

Em seu site oficial, os Mongols não são tímidos com relação a mostrar exatamente quem são e até mesmo intimar algumas de suas várias frentes de oposição com a lei e tentativa de desmantelamento da gangue (por parte de policiais) nesta anedota:

“Irmandade e Motociclismo por mais de 40 anos. Nós somos o MONGOLS MC, os Melhores dos Melhores! Os mais ruins do 1% de Clubes de Motocicletas conhecidos mundialmente. The Mongols M.C. gostaria de agradecer por visitar nosso site oficial. Agradecemos todo o amor e apoio. O Clube tem tomado alguns golpes bem fortes, recentemente, e tem perseverado através destes tempos difíceis. Estamos de volta MAIORES, MELHORES, e MAIS FORTES.

QUANDO FAZEMOS O QUE É CERTO NINGUÉM LEMBRA, QUANDO FAZEMOS ALGO RUIM NINGUÉM ESQUECE … Viva Mongol, Morra Mongol!”

Ok, então…

Eles também têm uma seção no site chamada “Brothers Behind Bars” (Ou Irmãos Atrás das Grades), em que pedem apoio dos membros que admitiram a culpa dos crimes de que foram acusados, e também para aqueles que os administradores do site alegam “…não serem culpados, mas estarem condenados pelo brasão que eles usam na roupa.”

2) Clube de Motocicletas The Outlaws

Outlow-Gangues-de-Motociclistas

O Clube de Motocicletas Outlaws foi estabelecido em 1936, o que faz dele o mais antigo clube de moto ainda em existência atualmente. Eles são ativos em todo os Estados Unidos e outros países, incluindo Austrália, Ásia, Europa e América do Norte e do Sul. Seu site oficial detalha a história completa do clube no que diz respeito ao desenvolvimento de suas ramificações, mas, é claro, parece ignorar o fato de que os fora-da-lei têm estado fortemente envolvidos no tráfico de drogas, guerras territoriais entre outras gangues (particularmente, Hell’s Angels) e a perda de incontáveis vidas através do assassinato.

Uma das queixas mais recentes envolvendo membros do clube, é concernente à exigência de fevereiro de 2015 para que fossem retornados os crachás e coletes que haviam sido confiscados em uma briga de bar, em Illinois, que remonta a 2012. De acordo com o Chicago Tribune, “… um advogado do Outlaws Motorcycle Club gostaria que os tribunais devolvessem os coletes de couro e crachás do clube que foram confiscados dos supostos agressores, durante a investigação. Os promotores dizem que os distintivos não devem ser devolvidos porque são emblemas de uma gangue notória – tradicionalmente considerada rival principal da Hell’s Angel – cujos membros estiveram envolvidos em outras atividades criminosas. Autoridades do condado de McHenry chamaram um especialista em crimes de quadrilha para o palanque, na sexta-feira, que disse que o ataque no Lizard Lounge na parte externa do Lago Wonder (o qual foi capturado em parte em vídeo e mostrado em tribunal) tinha a intenção de mostrar o domínio do grupo sobre o bar.”

O relatório seguiu salientando que o advogado dos membros do clube Outlaws argumentou que o clube de motocicletas não era “uma gangue,” mas, sim, “…um clube de organização cívica.”

Dito isso, não houve nada de civil sobre o terror infligido aos donos do bar, onde os oficiais foram chamados e, mais tarde, confiscaram peças de vestuário do Outlaws. De acordo com o relatório, “Cerca de meia dúzia de pessoas que estava no bar naquela noite testemunhou… que todo mundo estava se divertindo, cantando karaokê e dançando até que vários homens trajando coletes de couro com emblemas entraram e, disse um homem, o humor mudou ‘drasticamente’. Testemunhas disseram que os caras atacaram quatro pessoas, sem sequer provocação. Dois homens testificaram que acabaram no chão, sendo socados e chutados pelos motociclistas. Um deles disse que foi atacado quando tentou intervir – após os motociclistas terem cercado sua irmã. A irmã testemunhou que uma mulher que usava um colete de couro cuspiu cerveja no rosto e lançou-a ao ar, pelo bar. Outra mulher assumiu a tribuna para dizer que os motociclistas levaram seu namorado para trás do bar e o espancaram severamente.”

Sim, isso soa muito familiar ao comportamento de gangues, em geral.

1) Hells Angels

Hells Angels - Gangues de Motociclistas

Hells Angels são uma gangue de motocicletas que tem estado na ativa por mais tempo do que a maioria, e é considerada por muitos como a mais notória existente. De acordo com seu website, a organização foi fundada em 17 de março de 1948, “…na região de Fontana/San Bernardino, nos Estados Unidos da América.” Hoje, a Hells Angels é proeminentes na área da Califórnia, assim como na do Canadá e, de acordo com Complex, “…na última contagem, o MC tinha 2.500 membros em seis continentes.

Hells Angels são um grupo vicioso e violento que tem sido nomeado como sindicato do crime organizado (juntamente com outras gangues mencionadas nesta lista) pelo Departamento de Justiça dos EUA. Além do contrabando e do tráfico de drogas, os Hells Angels são conhecidos por repetidas rixas com gangues rivais e até têm sido objeto de lutas internas entre si e entre vários postos de controle diversos.

Essa gangue continua sendo objeto proeminente das manchetes do crime. Em um recente relatório do Courier Mail, esforços recentes de membros do Hells Angels em recuperar territórios na Costa Dourada foram anulados por policiais.

De acordo com o relatório, “Oficiais da Força Tarefa Maxima realizaram uma incursão numa propriedade de Harley Drive, Burleigh, recentemente, encontrando lá dentro uma elaborada instalação de clube de shows, e quantidades de gelo e ecstasy com valor de rua avaliado em cerca de US$ 15.000,00. Em outro mandado de busca realizado em Great Hall Drive, Mermaid Beach, a polícia apreendeu esteroides. A polícia alega que o endereço de Burleigh foi o clube de uma ramificação da Costa Dourada dos Hells Angels, disfarçada de negócio.”

Conclusão

Não se deve ter preconceito com motociclistas – muitas grupos são só grupos. Grupos estes que têm como grande prazer nessa vida estarem à roda de um pub ou bar, com suas “motocas” frenéticas, já se preparando para viajar pelos estados, comparar motos e fazer novas amizades ou relacionamentos. Porém se estiver num lugar desses e vir um desses dez emblemas nos distintivos dos caras, é bom manter distância – e ligar, avisando pro dono do bar (a polícia poderá ser necessária).

Ad Mafia Academy png1200

2 Comments

  1. rocha martinez
    30 de abril de 2017
  2. Pedro
    29 de agosto de 2017

Add Comment

os corleonesi
O clã mafioso Corleonesi: Uma facção que agregou muitos nomes de peso no mundo da Máfia
tráfico de drogas
A Era de Ouro do Tráfico de Drogas: Como Metanfetamina, Cocaína e Heroína se Moveram pelo Mundo Todo
Frattiano
Família criminosa de Los Angeles, mais conhecida como “Mickey Mouse Mafia”
Pizzo-Cosa Nostra-extorçao
Qual é a principal atividade da Cosa Nostra?
film cassino fatos
25 Coisas que Talvez Você Não Sabia sobre o filme “Cassino”
Quem foi Mario Puzo
O Pai do Poderoso Chefão: Mario Puzo
rene-trupo4
Top 13 Oficiais Mais Corruptos dos Filmes sobre Gângster
os bons companheiros
Os Bons Companheiros Na Real
Top 10 Gangues de Motociclistas
Top 10 Gangues de Motocicletas Mais Perigosas
gangsters e contrabando 1920
Bootleggers: O Contrabando na América do Norte
estilo gangster mafioso
Por que os Mafiosos são tratados mais como Celebridades do que como Criminosos desagradáveis?
A Insolarada - iate al capone
A Islamorada: O iate de Al Capone no Canal do Panamá