“Reverência mafiosa” na procissão de Corleone: Os fiéis param em frente à casa de Totò Riina

Uma reverência à máfia, mensagem de obediência à poderosa Família de Totó Riina em frente a toda a comunidade Corleone. Não é certo a primeira vez, homenagens a chefes da máfia durante às procissões são comuns, especialmente na Sicília e na Calábria. Durante a procissão de San Giovanni Evangelista, o cortejo atravessou as ruas de Corleone e parou para uma “reverência” em frente à casa onde vive Ninetta Bagarella, a esposa do chefe da Cosa Nostra Totò Riina.

O episódio, que remonta há uma semana atrás foi reconstruído e relatado em um artigo do jornal italiano – La Repubblica.

A história

O comissário de polícia e o sargento dos carabinieri, que estavam presentes, deixaram imediatamente a procissão emitindo um relatório a procura anti-mafia distrital. A partir das investigações iniciais mostrou que um dos membros da irmandade de São João Evangelista, Leoluca Grizzafi, é primo de segundo grau de Ninetta Bagarella.

O pároco de Santa Maria, Dom Domenico Mancuso, disse que estava desapontado: “Eu rebati à polícia que não é meu costume de parar na frente dos poderosos, este não era uma parada pré-estabelecida, aconteceu.

processione corleone toto riina

Duro o comentário do bispo de Monreale, monsenhor Michele Pennisi:

“Sobre estes tipos de episódios sou inflexível. Eu já nomeei uma comissão de inquérito, estamos à espera de um relatório. Enquanto isso, propus ao superintendente de Palermo para redigir um memorando de entendimento, para evitar novos episódios. Eu sugiro que a partir de agora também as paradas das procissões sejam concordadas com a polícia, para evitar surpresas desagradáveis. Nos últimos meses, o Bispo Pennisi também tinha imposto as irmandades para inserir no estatuto uma cláusula: “Nenhum pré-julgado mafioso pode ser parte de nossas associações.”

Especulações

O prefeito de Corleone, disse: “Não houve nenhuma reverência diante da casa da esposa de Totó Riina. É a habitual manipulação que vem feita sobre Corleone. Agora estamos realmente cansados. Essa foi uma pausa como muitas outras procissões de bairro e certamente não parou para fazer uma homenagem a Ninetta Bagarella “.

Era uma procissão de bairro – reafirma o prefeito de Corleone – que nem sequer a prefeitura da cidade participou. Eu não estava lá, por exemplo. Mas eu tenho que expressar minha indignação com essas falsas notícias que têm circulado em Corleone.

A procissão de São João sempre parou na via Scorsone e certamente não para prestar homenagem à família de Totó Riina. Será a verdade?

Veja Também: Por que os Mafiosos são tão religiosos?

Mafia Academy

Add Comment

O Chefe Está Morto mas a Máfia segue Viva, afirma Magistrado e Mafioso
Cuntrera-Caruana mafia cosa nostra
O Clã Mafioso Cuntrera-Caruana
os corleonesi
O clã mafioso Corleonesi: Uma facção que agregou muitos nomes de peso no mundo da Máfia
tráfico de drogas
A Era de Ouro do Tráfico de Drogas: Como Metanfetamina, Cocaína e Heroína se Moveram pelo Mundo Todo
film cassino fatos
25 Coisas que Talvez Você Não Sabia sobre o filme “Cassino”
Quem foi Mario Puzo
O Pai do Poderoso Chefão: Mario Puzo
rene-trupo4
Top 13 Oficiais Mais Corruptos dos Filmes sobre Gângster
os bons companheiros
Os Bons Companheiros Na Real
Top 10 Gangues de Motociclistas
Top 10 Gangues de Motocicletas Mais Perigosas
gangsters e contrabando 1920
Bootleggers: O Contrabando na América do Norte
estilo gangster mafioso
Por que os Mafiosos são tratados mais como Celebridades do que como Criminosos desagradáveis?
A Insolarada - iate al capone
A Islamorada: O iate de Al Capone no Canal do Panamá