Frank Costello: O Primeiro Ministro da Mafia

Frank Costello, mais conheçido como o “Primeiro Ministro” da Mafia, foi um influente mafioso que sobreviveu às severas Guerras dos Gângsters, ao escrutínio do governo e a uma tentativa de assassinato, com o objetivo de controlar a poderosa Comissão Nacional de Chefes da Máfia, fundada por Lucky Luciano.

Data de Nascimento: 26 de janeiro de 1891, Lauropoli, Calabria, Itália
Morreu em: 18 de fevereiro de 1973, New York
Apelidos: O Primeiro-Ministro, o tio Frank
Associações: Lucky Luciano, Família Genovese, a Comissão, Joe “The Boss” Masseria, Johnny Torrio, Bugsy Siegel, Arnold Rothstein, Meyer Lansky

Nascido na Itália com o nome Francesco Castiglia, Costello foi para os Estados Unidos em 1895, se estabelecendo em Manhattan. Junto com outros futuros mafiosos, era bastante ativo quando jovem o qual integrava a 5 Point Gang, na Baixa Manhattan. Foi preso por assalto, roubo e por porte de armas, no mínimo quatro vezes de 1908 a 1918. Em 1919, se casou e jurou que nunca mais voltaria a carregar uma arma. Ele não voltou para a cadeia novamente por quase 40 anos.

Trabalho e parcerias

Frank Costello trabalhou com “Who’s who” desde os primeiros gangsters para fazer capital com as suas vendas ilegais de álcool durante a Lei Seca. Os seus associadoseram Banjamin “Bugsy” Siegel, Vito Genovese, Tommy Lucchese, Meyer Lansky, Arnold Rothstein, Bill Dwyer, Dutch Schultz e o mais importante de todos, Lucky Luciano. Com este, Costello se juntou ao contrabando e extorquiu a organização de Joe “The Boss” Masseria, em 1922, mas também trabalhou em grande colaboração com os grupos irlandeses de contrabando de rum (incluindo Dwyer), o levando a mudar de nome para Costello.

Transações

Dwyer e Costello foram acusados de importar licor para as docas de Nova York em 1926, mas o júri entrou em um empasse em 1927 e a acusação contra Costello caiu por terra. Dwyer, no entanto, foi condenado por subornar um oficial da Guarda Costeira e Costello assumiu as operações de produção ilegal de seu amigo em Nova York. Esse movimento causou atritos e, eventualmente, uma guerra com os outros tenentes de Dwyer. Enquanto Costello perdeu algumas de suas operações de negócios no conflito, sua influência como mafioso continuou a crescer. Em 1928, tinha formado uma aliança crítica com Luciano, Lansky, Siegel e Johnny Torrio, de Chicago.

Em 1929, o ditatorial Masseria entrou em guerra com o chanceler siciliano que era companheiro deles, chamado Salvatore Maranzano, por causa do controle do licor, jogo e prostituição de Nova York. Costello e Luciano jogaram por ambos os lados da sangrenta Guerra Castellammarese, a qual Maranzano ganhou – mas Maranzano nomeou-se o chefe de todos os chefes de forma unilateral, e com a ajuda de homens armados fornecidos por Luciano, estaria morto por tiros até o final de 1931. Luciano assumiu o lugar principal da mais poderosa família do crime de Nova York, tornando-se “presidente do conselho” das cinco famílias conhecidas como “A Comissão”, com Vito Genovese, como o primeiro adjunto (“subchefe”), e Costello como seu poderoso “Consigliere”, ou conselheiro principal.

Frank Costello ajudou a Família Lucania a expandir as suas operações, incluindo caça-níqueis em Louisiana, em um acordo com o governador Huey Long e o chefe do crime de Nova Orleans, Carlos Marcello (o contingente de Louisiana tem 10% da tomada). Costello com Lansky investiram em jogos ilegais na Flórida e em Cuba, e Costello começou a padronização do sistema de recolha e de distribuição de apostas entre os jogadores, não apenas em Nova York, como em todos os Estados Unidos. Expandir as operações de jogos de azar tanto nacional quanto internacionalmente foi uma jogada inteligente, uma vez que a Lei Seca acabou em 1933.

Acusações e Fuga

Em 1936, Luciano foi condenado por acusações de prostituição e sentenciado a décadas de prisão. Genovese assumiu o seu lugar, mas um ano depois foi indiciado por três anos por homicídio e fugiu para a Itália, deixando Costello no controle da operação que era de Luciano. Ele continuou no negócio da prostituição e nos jogos de azar enquanto expandia os negócios legítimos, como grandes operações de frangos e frigoríficos. Evitou a importação de drogas, um setor bastante rentável favorecido por Genovese, que se tornou o chefe da máfia italiana.

Genovese tinha, na Itália, formado uma aliança com a liderança fascista e uma amizade com o genro do ditador Benito Mussolini (a quem ele supostamente fornecia cocaína). Durante a Segunda Guerra Mundial, como um favor a Mussolini, Genovese teria ordenado o assassinato de um editor antifascista italiano em Nova York, uma batida realizada por um dos integrantes da Família Bonanno. Mas em 1943, com o triunfo dos Aliados sobre a Itália fascista, Genovese mudou de lado e trabalhou para o governo de ocupação aliada. No entanto, ele ainda enfrentou acusações de assassinato de 1934, e em 1945 foi enviado de volta a Nova York para enfrentar um processo.

Em nossas redes sociais, você fica sabendo quando temos um post novo no blog, além e ter acesso aos posts anteriores.

Durante o julgamento, duas das três testemunhas do governo foram assassinadas e o Ministério Público entrou em colapso. Em 1946, Genovese foi solto e imediatamente começou a trabalhar para recuperar sua posição como chefe da família, que nesse momento era controlada por Costello.

Em 1951, Frank Costello foi intimado a comparecer perante a Comissão Kefauver. Senador Estes Kefauver de Tennessee e seus colegas do Senado concordaram que Costello poderia comparecer ante à comissão sendo vigiado, mas como Costello evitou algumas perguntas e se recusou a responder outras, ele nervosamente virou as palmas das mãos para cima, provavelmente, dando o seu testemunho à televisão da forma mais dramática do que poderia ter sido. Costello saiu das audiências.

Esse e outros problemas que ocorreram nos anos 50, uma década muito infeliz para Costello, que foi publicamente humilhado quando a mídia soube que ele havia se consultado com um psiquiatra. Quem também testemunhou perante às audições de Kefauver, foi o vice de Costello, Willie Moretti, que revelou detalhes de infiltrações de empresas legítimas da gangue. Moretti foi assassinado por outros mafiosos em 1951.

Condenação e golpe

Em 1952, Costello foi condenado por desacato por sair da audiência no Senado. Ele ficou detido por 14 meses. Em 1954, foi condenado a cinco anos por não pagamentos de taxas. Serviu por vários anos antes de a condenação ser anulada em recurso.

Nesse meio tempo, Genovese foi discretamente construindo seu golpe contra Costello. Em maio de 1957, sob as ordens de Genovese, Vincent “The Chin” Gigante disparou  contra a cabeça de Costello. Felizmente, para Costello, o ferimento foi superficial. Ele estava bem perto, porém para Costello, que se aposentou, entregou o controle da Família Luciano a Genovese. A família construída por Luciano e  Costello seria agora conhecida como a Família Genovese.

Frank Costello ainda controlava as operações e lucrou com as operações de jogos nos Estados Unidos, incluindo algumas operações em Las Vegas e, apesar de ter perdido a sua cidadania em 1961, continuou a viver em Nova York. Ele era considerado um grande chefe e respeitado pelos chefes da máfia que o apoiaram no conselho. Ele manteve sua amizade com Luciano (que morreu em Itália em 1964) e Lansky. Costello morreu de causas naturais em 1973.

frank costello frase

< TODOS OS GANGSTERS

Mafia Academy

One Response

  1. Robson Sposato
    2 de junho de 2016

Add Comment

O Chefe Está Morto mas a Máfia segue Viva, afirma Magistrado e Mafioso
Cuntrera-Caruana mafia cosa nostra
O Clã Mafioso Cuntrera-Caruana
os corleonesi
O clã mafioso Corleonesi: Uma facção que agregou muitos nomes de peso no mundo da Máfia
tráfico de drogas
A Era de Ouro do Tráfico de Drogas: Como Metanfetamina, Cocaína e Heroína se Moveram pelo Mundo Todo
film cassino fatos
25 Coisas que Talvez Você Não Sabia sobre o filme “Cassino”
Quem foi Mario Puzo
O Pai do Poderoso Chefão: Mario Puzo
rene-trupo4
Top 13 Oficiais Mais Corruptos dos Filmes sobre Gângster
os bons companheiros
Os Bons Companheiros Na Real
Top 10 Gangues de Motociclistas
Top 10 Gangues de Motocicletas Mais Perigosas
gangsters e contrabando 1920
Bootleggers: O Contrabando na América do Norte
estilo gangster mafioso
Por que os Mafiosos são tratados mais como Celebridades do que como Criminosos desagradáveis?
A Insolarada - iate al capone
A Islamorada: O iate de Al Capone no Canal do Panamá