17 Fatos curiosos sobre os Speakeasies na Era da Proibição

Os loucos anos 20 nos Estados Unidos da América geraram muita desordem no país e, uma das causas dessa fase eram os “Speakeasies“. Era difícil não comprar álcool ilegal, era complicado seguir a lei seca! O contrabando e os Gangsters reinaram sobre estados e comunidades.

Premissa

Primeiro, o que se passava naquele tempo de discórdia? Durante a Era da Proibição, que perdurou 13 anos mais ou menos, a lei seca revigorava provocando o crescimento de boates ilegais e bebidas ilícitas. Esse período era marcado pela proibição em vender, produzir e transportar bebidas alcoólicas dentro dos Estados Unidos.  Os anos 20 tinham sua base no crime organizado e a bebida tornou-se algo descontrolado. Foi nessa época que as boates e baladas começaram a ser chamadas de Speakeasies.

O motivo do nome? Simples! Para poder entrar e desfrutar das bebidas, era necessário sussurrar palavras específicas.

E quem patrocinava as bebidas, se essas eram proibidas em grandes quantidades? Os bootlegger, os quais transportavam bebidas e fabricavam notas fiscais falsas para conseguir comprá-las. A distribuição de álcool começava a ser controlada pelos gângsters, trazendo muita violência e crimes.

Curiosidades sobre os Speakeasies na Era da Proibição

1. Definição de Speakeasies

Como foi dito anteriormente, speakeasies eram estabelecimentos que vendiam bebidas alcoolizadas. Os donos alegavam que eram servidas bebidas fracas e café; entretanto, por trás das câmeras, a ilegalidade do álcool era sempre vista. Existia diferentes tipos dessas boates nas cidades grandes, em relação ao tipo, qualidade, tamanho e a classe social das pessoas.

Porém, nessas boates, era possível encontrar gangsters, ricos e pobres, todos juntos socializando e bebendo. Elas ficavam em diferentes locais: sótãos, porões, prédios oficiais, casas privativas e por aí vai.

2. Como você entra numa Speakeasies

Frequentemente, os clientes tinham cartões exclusivos para a entrada nessas boates. Se você fosse um estranho, era necessário ter influência, saber a senha ou conhecer o dono.

3. Nova York

Em Nova York, a concentração de Speakeasies era gigante! Nos loucos anos 20, mais de 100 mil boates tinham na cidade e arredores. Os principais nomes eram: The Stork Club, The Cotton Club e Connie’s Inn.

4. Chicago

Atrás de Nova York temos Chicago, com 7 mil Speakeasies espalhadas pela cidade. As boates mais visitadas eram: Green Mill e Butch McGuire’s. A partir de 1926, Detroit possuía mais de 17 mil boates para esse fim de bebidas ilícitas.

5. Atores nas boates

Muitos famosos começaram a sua carreira dançando e cantando nesses clubes, tais como: Barbara Stanwyke, Gilda Gray e Josephine Baker.

6. Jazz

O gênero de maior sucesso dos anos 20 iniciou sua trajetória dentro das Speakeasies, principalmente em Nova York e Chicago.

7. Al Capone

O mafioso mais conhecido, Al “Scarface” Capone e sua Máfia de Chicago, conseguiam anualmente um montante de 60 milhões de dólares, no ano de 1927, por exemplo. A Máfia controlava a venda de álcool para mais de 10 mil boates em Chicago.

8. Governo ataca Clubes

Os agentes do governo, “Os Intocáveis”, atacaram o grupo de Capone e impediram a ascensão do império do mafioso após localizar os lugares em que ocorriam as trocas de bebidas.

9. O Compartimento Secreto

Para evitar que a polícia descobrisse o contrabando de bebidas, muitas Speakeasies tinham compartimentos secretos dentro das boates com alto sistema de segurança, como foi o caso da boate 21, na cidade de Nova York.

10. Multiplicidade de Clubes

Quanto mais rápido a polícia fechava uma boate, umas 6 eram erguidas no dia seguinte.

11. O álcool envenenado

Como pessoas de baixa renda não podiam comprar bebida de qualidade, algumas pessoas vendiam drinks envenenados, como Jamaica Gin (conhecido como “jake”).

12. Clube Nepenthe

Com um espaço que cabia 80 pessoas e suas mesas, o clube Nepenthe, localizado em Nova York, tinha como dono Jim Brinckner. Nessa boate, eram servidas, além de bebidas contra a lei seca, entretenimento, como música e dança e comida.

13. Subterrânea

Uma boate em Chicago, que também era conhecida como uma Speakeasy, era controlada por um gangster. Kelly’s Pleasure Palace tinha túneis e corredores subterrâneos que interligava outros pontos da cidade.

14. The Stork Club

John Sherman Billingsley era dono de um clube de alta qualidade, o Stork Club. Localizado em Nova York, na rua 53 Leste, era muito frequentado por celebridades. John sabia chamar a atenção de seu público, já que dava de presente champanhe grátis, gravatas para os homens e ouro para as mulheres.

15. A Casa Blanca

Outra Speakeasy bastante conhecida em Nova York, Casa Blanca estava localizada em 33 West 56th Street. Patrocinada, operada e controlada pelo gangster Larry Fay. Seus subordinados não eram muitos felizes, pelo fato de Larry ter ameaçado a todos com cortes de salários. Foi morto com um tiro na cabeça em 1932 pelo seu porteiro.

16. O Marge’s Still

Imagine beber um drink de Gin feito numa banheira! É isso mesmo que você leu. Essa boate ficava em Chicago e servia bebidas feitas no andar de cima do clube, numa banheira!

17. O Hideout

Outra boate bastante conhecida por realizar apostas de todos os tipos possíveis e inimagináveis! Era operada por gangsters.
Ah, galera, que bagunça foi aquela época da lei seca nos Estados Unidos.

Conclusão

Quanto contrabando e corrupção! Realmente o crime organizado era extremamente forte na cidade de Nova York e Chicago. Tinha tantos bares, boates e clubes, que ficava difícil conhecer o mesmo estabelecimento todos os dias. Literalmente, o álcool subiu para a cabeça! Os Speakeasies eram comandados por gangsters – além de ser perigoso, você podia ser envenenado! (Imagina a ressaca no dia seguinte!!!!)

Mafia Academy

Add Comment

O Chefe Está Morto mas a Máfia segue Viva, afirma Magistrado e Mafioso
Cuntrera-Caruana mafia cosa nostra
O Clã Mafioso Cuntrera-Caruana
os corleonesi
O clã mafioso Corleonesi: Uma facção que agregou muitos nomes de peso no mundo da Máfia
tráfico de drogas
A Era de Ouro do Tráfico de Drogas: Como Metanfetamina, Cocaína e Heroína se Moveram pelo Mundo Todo
film cassino fatos
25 Coisas que Talvez Você Não Sabia sobre o filme “Cassino”
Quem foi Mario Puzo
O Pai do Poderoso Chefão: Mario Puzo
rene-trupo4
Top 13 Oficiais Mais Corruptos dos Filmes sobre Gângster
os bons companheiros
Os Bons Companheiros Na Real
Top 10 Gangues de Motociclistas
Top 10 Gangues de Motocicletas Mais Perigosas
gangsters e contrabando 1920
Bootleggers: O Contrabando na América do Norte
estilo gangster mafioso
Por que os Mafiosos são tratados mais como Celebridades do que como Criminosos desagradáveis?
A Insolarada - iate al capone
A Islamorada: O iate de Al Capone no Canal do Panamá